Pesquisar este blog

3 de fev de 2012

Abandono de uma comunidade...

Detalhe interno do Ponto de ônibus

Pilar do ponto do ônibus

Detalhe interno do ponto do ônibus

Visão geral do ponto do ônibus.

Detalhe da estrada de acesso à comunidade

Detalhe da estrada


Detalhe da estrada

Detalhe da estrada

Esta estrada é o único acesso à comunidade. A estrada possui cerca de 8km e os pontos que exigem reparo urgente é de cerca de 3km.

As fotos falam por si. Este é o estado de abandono da comunidade do Rio Pequeno. Esta comunidade possui cerca de 90 moradores além dos proprietários de terras que lá não residem, que estão sofrendo com este problema. Para se ter uma idéia, este ponto de ônibus é da época do Edson Lacerta e desde então, nenhuma manutenção foi realizada segundo nos informa moradores.
Também segundo moradores nenhum dos trabalhos iniciados pela Prefeitura na localidade foram concluidos.

6 comentários:

  1. Os moradores deviam cobrar dos vereadores que eles votaram, esta na hora da cobrança, muitos trocam votos por um kl de alguma coisa, ou por um tijolo etc, né, agora vive esta situação ai, se votassem em candidatos diferentes e decentes, mas votam nos mesmos vereadores que estão la a séculos tentando uma aposentaria, agora sofrem as consequências.

    ResponderExcluir
  2. porque voces so colocam comentarios que elogiam voces, quando nos falamos algo que voces não aceitam, voces não divulgam os comentarios, cade meu comentario ref. a comunidade que vota nos vereadores? coloca ai para o povo largar de ser besta.

    ResponderExcluir
  3. cade meu comentarios, vocês tem medod e postar o que as pessoas comentam, só postam o que interessa a vocês? isto ´não ter credibilidade, viu, é ser covarde, pq criticas tambem nos faz crescer e melhorar nossas atitudes.

    ResponderExcluir
  4. Anônimo não fazemos a medição todos os dias. As vezes demoram para se publicar. Não postamos comentários que desrespeitem as leis e que contenham palavrões e insultos a honra de outrem. Sempre publicamos os comentários a favor e contra. E concordamos com vc e achamos que trocar os votos não é uma atitude cidadã e todos perdem. Não fique bravo, somos pessoas como vc e não ganhamos para fazer cidadania. Temos que trabalhar e cuidar de nossas vidas também. Nem sempre damos conta de tudo que chega a nós de forma rápida.

    ResponderExcluir
  5. Erramos acima o termo é "mediação" das postagens.

    ResponderExcluir
  6. (Outro Anônimo)

    O problema persistirá até que as pessoas entendam que vereadores não existem para "pedir" obras e melhorias urbanas por eles. Isto é um equívoco sem tamanho. Seja o candidato antigo ("pedindo aposentadoria") ou uma "cara nova", prometendo novas obras. Em nenhum dos dois casos o vereador tem poder suficiente para fazê-lo. E depende exclusivamente do Executivo para isso.

    A população deveria cobrar e participar das atividades do Executivo, de forma permanente, exigindo seus direitos todos os anos, e não apenas aceitando promessas vazias de 4 em 4 anos.

    A parcela da população que troca seu voto por material de construção, passagem para tratamento médico, ou por uma simples máquina para acomodar sua estrada de terra, mantém os vereadores que temos. Meros intermediários, despachantes, que o povo não precisa!

    ResponderExcluir